Como usar filme Stretch na sua transportadora

Como usar filme Stretch na sua transportadora

Você sabe como usar filme Stretch na sua transportadora? Se só ouviu falar nesse material e nunca o utilizou na prática, é hora de aprender como ele funciona e quais usos podem ser dados a ele.

Atualmente, o Brasil vive um período de grande movimentação para as transportadoras e empresas de logística. Com a previsão de que o mercado de e-commerce vai chegar a um faturamento de R$100 bilhões até o fim do ano, é fácil entender o porquê disso.

Para completar, é importante lembrar que a pandemia do novo coronavírus mudou o foco da demanda da população. Por isso, é importante não só fazer uma entrega em tempo rápido, mas também com segurança. O filme Stretch ajuda em ambas as situações.

Quer aprender como usar filme Stretch na sua transportadora? Então siga a leitura do artigo abaixo!

Como usar filme Stretch na sua transportadora: 4 dicas

1. Escolha um bom fornecedor

O primeiro passo para saber como usar filme Stretch na sua transportadora é escolher um bom fornecedor do material. Isso porque a qualidade do filme plástico faz toda a diferença.

Um bom filme Stretch se caracteriza por dois pontos básicos. O primeiro deles é a quantidade de adesivo em uma das faces do plástico. Quanto melhor a qualidade, mais adesivo e mais fácil é de mantê-lo preso no que será embalado.

A segunda característica é a maleabilidade do filme. Um bom Stretch tem uma maleabilidade boa o suficiente para se adaptar a qualquer formato, mas sem causar confusões no próprio rolo.

Nós recomendamos o produto da GR Stretch, que tem uma boa relação de custo/benefício, com boa quantidade de adesivo e maleabilidade, por um bom preço.

2. Conheça as características do filme Stretch

Um filme Stretch, como mencionamos, é um material que é feito com maleabilidade e uma quantidade de adesivo. Portanto, é importante entender como essas características funcionam para poder comprar o produto específico para o seu caso.

Normalmente, o filme é produzido em espessuras que variam de 20 a 40 micras. Quanto mais micras, mais resistente será o plástico, o que significa que ele trará mais segurança, mas perderá a sua elasticidade. Normalmente, um plástico Stretch pode estirar entre 100% a 300% do seu tamanho original.

Se você precisar cobrir uma área maior, especialmente com tamanhos irregulares, então o melhor é optar por um filme de 20 micras, pois ele terá maior elasticidade, mas menos segurança. Já uma área menor (como algumas caixas pequenas), o ideal é um filme de 40 micras pois não é necessária tanta elasticidade e a maior espessura pode servir de proteção.

3. Saiba quais são as situações em que ele pode ser usado

Normalmente, um filme Stretch pode ser usado para 6 aplicações específicas na sua transportadora, seja ela de grande porte, seja especializada na entrega de produtos pequenos. São essas as aplicações:

  • Facilitar o manuseio e armazenamento de cargas no seu depósito;
  • Aumentar a resistência contra furtos;
  • Proteger o produto contra poeira e umidade;
  • Aumentar a estabilidade no armazenamento de produtos;
  • Prolongar a validade de produtos orgânicos (como alimentos);
  • Proteger os produtos de raios solares.

4. Recicle o material depois de usá-lo

Uma transportadora que tenha um bom volume de cargas provavelmente usará muito plástico Stretch. Podemos esperar por toneladas e toneladas de filme todos os meses.

Sem um cuidado ambiental, todo esse plástico acabará descartado da maneira errada e poluindo o planeta. Como o Stretch é 100% reciclável, o melhor a fazer é ter uma política de reciclagem.

Fale com o seu fornecedor e veja se ele tem uma política de reciclagem. Se não, procure alguma empresa que trabalhe com isso. Mesmo que o pagamento recebido pelo plástico usado seja pequeno, ainda assim é um valor considerável para aliviar as contas.

E aí, aprendeu como usar filme Stretch na sua transportadora? Então deixe um comentário abaixo com a sua opinião sobre o assunto!

Deixe uma resposta