Saiba quais segmentos terão mais licitações em 2020: locação de veículos é um deles
Business Brainstorming Graph Chart Report Data Concept

Saiba quais segmentos terão mais licitações em 2020: locação de veículos é um deles

Você sabe quais são as tendências de 2020 para o mercado de licitações? Se não, então precisa descobrir para saber como adaptar a sua empresa para a realidade do setor neste ano.

Fazer negócios com o governo é uma das maneiras mais eficazes para uma empresa obter um fluxo estável de dinheiro, ganhar experiência e portfólio, além de poder crescer de forma sustentável.

No entanto, para isso, é importante ganhar editais de licitação e prestar o melhor serviço possível. Esse objetivo só é alcançado ao se dominar as tendências de 2020 para o mercado de licitações.

Vamos ver quais são? Siga a leitura!

Compliance é uma das tendências de 2020 para o mercado de licitações

Nos últimos anos, estouraram diversas investigações do Ministério Público e da Polícia Federal em relação a contratação de empresas por órgãos da Administração Pública de maneira irregular.

Por isso, é esperado que a percepção pública de editais e licitações esteja muito negativa. Ou seja: as pessoas desconfiam e acham que só há corrupção em editais e licitações, o que não é verdade.

No entanto, isso não impede que as pessoa se mantenham desconfiadas em relação às empresas que participam de negócios com o governo. Por isso, uma das tendências de 2020 para o mercado de licitações será a prática do compliance.

Em poucas palavras, o compliance é uma estrutura (que pode ser física ou apenas jurídica) interna da empresa para impedir a prática de crimes. A ideia é que hajam protocolos prontos para controlar as ações dos funcionários, impedindo que atitudes ilegais sejam cometidas.

Isso ajudará a melhorar a imagem da empresa e garantir que ela não se envolverá em escândalos de corrupção em nenhum momento.

Aumento nas compras será notado no setor de licitações em 2020

Em 2019, de acordo com o Portal da Transparência, todos os órgãos do governo gastaram juntos R$47,87 bilhões em licitações de todos os tipos.

O valor é menos do que o que foi gasto em 2018 (R$93 bilhões) ou 2017 (R$164 bilhões). No entanto, a boa notícia é que em 2020 a tendência é que o valor aumente e volte aos patamares antigos.

Por isso, haverá mais editais e mais oportunidades para que as empresas que buscam vencer licitações possam concorrer justamente.

Alguns mercados em específico estarão em destaque em 2020

Dentre as tendências de 2020 para o mercado de licitações, estão alguns mercados específicos que deverão ter mais licitações do que o normal. A perspectiva é que esses mercados sejam alguns dos principais a puxar a esperada melhoria na economia para esse ano.

Os segmentos que deverão ter mais licitações em 2020 são os seguintes:

  • prestações de serviços terceirizados;
  • construção civil;
  • tecnologia da informação;
  • gráfica e impressões em geral;
  • locação de veículos para o governo;
  • produtora audiovisual.

Dentre esses mercados, destaca-se particularmente o de produtoras audiovisuais. Elas serão especialmente importantes em 2020 por causa do calendário eleitoral, que exigirá muitas peças em vídeo para o serviço público.

Só o TSE, por exemplo, terá de produzir várias peças para organizar as Eleições Municipais de 2020. Além disso, as filiais locais dos organizadores das eleições precisarão produzir vídeos com as regras e normas locais de cada votação.

Por exemplo, algumas cidades precisarão fazer uma campanha de biometria obrigatória. Para isso, necessitarão de vídeos produzidos por uma produtora audiovisual.

O setor de tecnologia da informação também precisará trabalhar dobrado nas Eleições, garantindo que todos os sites e servidores estarão no ar sem problemas para os cidadãos. Por isso, haverá muita demanda de licitações nessa área também.

E aí, o que achou das tendências de 2020 para o mercado de licitações? Comente abaixo com a sua opinião sobre o assunto!

Deixe uma resposta